Palhaças Maranhenses em Ruas Amazônicas – Festival Amazônia Encena na Rua

Ajude a essa informação chegar até quem precisa.Comente, compartilhe e participe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

foto Internet

Sem políticas públicas que assegurem uma continuidade nas atividades artísticas, profissionais ligados às Artes Cênicas procuram novas searas para escoar suas produções seja elas Festivais,encontros,mostras ou mesmo no intercambio de iniciativas voltadas a apresentar a produção cultural de um determinado segmento ártistico no caso,da Arte Circense e do teatro de Rua. Assim é o caso do AMAZÔNIA ENCENA NA RUA que nesse ano receberá grupos de teatro de vários Estados,assim como produções locais e que já conta com números generosos de público frequentador e de apoios culturais.

 De acordo com Berenice Simão, vice presidente da Fundação, este é um festival de teatro de rua e dança que pretende reunir 14 grupos de Teatro de Rua da Amazônia legal (RO, AC, AM, RR, AP, PA, TO, MT E MA) e 2 convidados das demais regiões e 16 grupos e companhias de dança de Porto Velho. “Vai ser uma oportunidade de mostrar os talentos que temos em nosso município, como também uma forma de promover o desenvolvimento de uma política cultural de ocupação dos espaços públicos urbanos.

Segundo o próprio site do grupo organizador,  O Imaginário,o AMAZONIA ENCENA NA RUA, Espaço de trocas e compartilhamento, o evento tem como foco desenvolver vários conceitos, entre eles a formação de público e mídia espontânea. No ano passado, através diversas redes sociais o festival atraiu a atenção de 400 mil pessoas. E teve um público presente de 42.500 pessoas.

veja a programação completa AQUI

O MARANHÃO também participará do Festival com suas mais ousadas palhaças,Palita Presepada, Miss Banana e Belecona . Mostrando a força da Arte Circense da Capital Maranhense.

Mas o mais difícil em todo esse universo é o fato da Cidade (São Luís) não possuir uma política cultural e de não reconhecer,pelo menos como forma de ações planejadas de sua  diversidade cultural,os gestores ,reles fazedores de eventos,não possui em suas pastas iniciativas mais globais efetivas para segmentos mais pontuais como o TEATRO DE RUA, CIRCO,ETC. Em 2010 tivemos a indigesta notícia que um dos poucos festivais que acontece nesse meio norte de Teatro de Rua o encontro MATRACA por falta de apoio financeiro (patrocinio e apoio privados) assim como por parte das Secratárias de Cultura, o encontro não se realizou, frustrando grupos e público que já havia acompanhado o festival em edições anteriores.

Mas nem tudo é só choro e vela, sobrevivendo de editais públicos para viabilização de suas produções companhias e artistas ,aos troncos e barrancos, conseguem gerir suas produções e ainda ter fôlego para participar de eventos ,mostras festivais levando o nome de seus Estados assim como na marca Regional de suas tradições. Só desejamos muita sorte as nossas Meninas que nos representem bem no festival.

sobre PALITA: Cia. MiraMundo Produções culturais – São Luiz – MA


A palhaça Palita Presepada está sem trabalho e sem ter onde dormir, a vaga de trapezista no circo é sua única chance. Desesperada para entrar no circo do grande trapezista Jack Jones, Palita desafia o trapézio, que do alto de sua superioridade a ignora, sereno…

cartaz do Espetáculo

Você também vai gostar de ler estes...

Leave a Comment