INSTITUTO AVON PROPÕE A CONSTRUÇÃO DE RELACIONAMENTOS MAIS SAUDÁVEIS PARA O ENFRENTAMENTO DA VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER

No dia 20 de novembro, o Instituto Avon lançou a campanha #comTrato, no âmbito dos 21 Dias de Ativismo, período dedicado à luta pelo fim da violência contra a mulher. Este ano, a iniciativa discute como tratar assuntos e temas importantes para a construção de relacionamentos saudáveis. O objetivo da campanha é incitar uma mudança na sociedade a partir do senso de corresponsabilidade. Desde 1991, a Organização das Nações Unidas (ONU) trabalha globalmente com os 16 Dias de Ativismo, que tem início em 25 de novembro, Dia Internacional de Combate à Violência Contra a…

LEIA MAIS...

PLANO NACIONAL PARA COMBATER POLUIÇÃO NO MAR LANÇA CONSULTA PÚBLICA

A poluição plástica é um problema grave no Brasil? Você ou sua organização tem boas ideias para minimizar o lixo que invade nossos oceanos? O Ministério do Meio Ambiente quer saber essas e outras opiniões do público sobre o tema, para fundamentar a construção do Plano de Ação Nacional para o Combate ao Lixo no Mar. Para isso, lançaram um questionário online para entender o que os diversos setores da sociedade pensam e propõem para uma das maiores ameaças aos oceanos: o lixo. O lançamento aconteceu a Waste Expo Brasil,…

LEIA MAIS...

FUNDO DA ONU PARA O FIM DA VIOLÊNCIA CONTRA MULHERES ESTÁ COM INSCRIÇÕES ABERTAS ATÉ 18/01/2019

O Fundo da ONU Para o Fim da Violência Contra as Mulheres está recebendo inscrições para o para o seu 22º ciclo de subsídios para apoiar as organizações da sociedade civil que se qualifiquem para o financiamento nas três áreas programáticas de sua Estratégia 2015-2020. A ideia é um mundo sem violência contra mulheres e meninas alinhado com os padrões internacionais de direitos humanos e direito humanitário, dos quais a igualdade de gênero e a eliminação de todas as formas de violência e discriminação contra mulheres e meninas são parte integral. PRIORIDADES:…

LEIA MAIS...

Em dia mundial, chefe da ONU alerta para momento crítico na resposta ao HIV

Trinta anos após o primeiro Dia Mundial contra a AIDS, lembrado em 1º de dezembro, a resposta ao HIV ainda está em um ponto crítico, afirmou neste sábado o secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres. Chefe da ONU ressaltou que a atual resposta dos países vai definir o curso da epidemia – se irá acabar até 2030 ou se gerações futuras terão de carregar o fardo da infecção. Em mensagem para a data, Guterres destacou que grandes progressos foram feitos em diagnósticos, tratamentos e esforços de prevenção, mas alertou que…

LEIA MAIS...

Ambiente doméstico concentra maior número de assassinatos de mulheres no mundo, diz ONU

Cerca de 87 mil mulheres no mundo foram vítimas de homicídio em 2017. Desse grupo, aproximadamente 50 mil — ou 58% — foram mortas por parceiros íntimos ou parentes. Isso significa que, por hora, no ano passado, seis mulheres foram assassinadas por pessoas que elas conheciam. Os números foram divulgados nesta semana pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC). Organismo vê estagnação de progressos para proteger as mulheres no ambiente doméstico. “Embora a vasta maioria das vítimas de homicídio sejam homens, as mulheres continuam a pagar o…

LEIA MAIS...

Movimento indígena e organizações indigenistas reforçam compromisso de defesa da Constituição

Evento no Memorial dos Povos Indígenas, em Brasília, marcou os 30 anos do reconhecimento dos direitos indígenas na Constituição e debateu cenário de ameaças O movimento indígena e as organizações da sociedade civil que o apoiam reforçaram o compromisso de defender os direitos indígenas previstos na Constituição. Também enfatizaram a necessidade de formação de uma frente ampla, com diversos setores da sociedade, para resistir a qualquer retrocesso na aplicação desses direitos. Essa mobilização ganha ainda mais importância num cenário de graves ameaças aos povos indígenas e ao meio ambiente. Foram…

LEIA MAIS...

ONU e governo federal mapeiam boas práticas de sustentabilidade para órgãos públicos

A chamada faz parte do programa Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P). A ONU Meio Ambiente e o Ministério do Meio Ambiente (MMA) recebem até 23 de novembro inscrições para mapeamento de experiências positivas em sustentabilidade que possam inspirar boas práticas na administração pública. A chamada, que faz parte do programa Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P), fará o levantamento de atividades, projetos e políticas que cortem gastos e tornem processos mais eficientes, enquanto protegem a natureza. O objetivo é auxiliar prefeitos, secretários e outros gestores públicos a implementar programas…

LEIA MAIS...

Onu Publica texto explicando cada artigo da declaração universal dos direitos humanos

Já se passaram 70 anos desde que líderes mundiais determinaram explicitamente quais direitos todos no planeta poderiam esperar e exigir simplesmente por serem humanos. Nascida do desejo de impedir outro Holocausto, a Declaração Universal dos Direitos Humanos continua a demonstrar o poder das ideias para mudar o mundo. A Declaração Universal dos Direitos Humanos (DUDH) foi adotada em 10 de dezembro de 1948. Para marcar o aniversário, nas próximas semanas, o Escritório do Alto Comissariado da ONU para os Direitos Humanos (ACNUDH) publicará textos informativos sobre cada um de seus artigos.…

LEIA MAIS...

Com apoio da Abong, campanha busca incentivar doação de recursos para OSCs

Dia 27 de novembro, o Brasil e o mundo celebram o Dia de Doar. Um dia para sensibilizar cada vez mais a sociedade sobre a importância da doação de recursos para organizações e projetos sociais, culturais, ambientais e esportivos. Este ano, no começo de novembro, o Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social (IDIS), organização pioneira no apoio técnico ao investidor social no Brasil e na América Latina, vai lançar, com apoio da Abong, uma campanha para contribuir com a cultura de doação no Brasil. A proposta do Instituto é convidar…

LEIA MAIS...

Sociedade civil divulga manifesto contra propostas de campanha que atacam meio ambiente

Um conjunto de 31 redes e organizações da sociedade civil divulgou um manifesto criticando propostas que vêm sendo feitas na campanha à Presidência contra o meio ambiente . O texto condena, por exemplo, as ideias de retirar o Brasil do tratado internacional de mudanças climáticas, o Acordo de Paris, e de fundir do Ministério de Meio Ambiente (MMA) ao de Agricultura. Além de organizações específicas, o texto é assinado por redes que congregam centenas de outras organizações, como a Rede Mata Atlântica (RMA), a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib) e o Observatório do Clima.…

LEIA MAIS...