Escopo / Tempo

Planejamento de escopo

Descreve-se o trabalho que deve ser realizado para entregar o produto, serviço ou resultado com os requisitos, funcionalidades e características definidas pelas partes interessadas.

No gerenciamento de escopo existe uma expressão chamada goldplating (banhar a ouro) que significa fornecer mais do que o cliente solicitou, adicionar produtos ou serviços não previstos no escopo do projeto. O projeto deve entregar o escopo solicitado pelas partes interessadas.

MAPA MENTAL DO ESCOPO E SUAS INTEGRAÇÕES

Estrutura Analítica do Projeto

Uma das ferramentas mais utilizadas para gerenciar o escopo do projeto é a elaboração da Estrutura Analítica do Projeto – EAP.

A criação da EAP é o processo de subdivisão do trabalho e das entregas do projeto em componentes menores e de mais fácil gerenciamento.

A EAP é um diagrama que organiza e define o escopo total do projeto por meio da representação em forma de árvore.

Na imagem a seguir vemos uma estrutura básica da EAP.

Podemos elencar alguns benefícios obtidos com o uso da EAP, entre eles:

  • Organiza e define o escopo total do projeto.
  • Por ser de fácil compreensão, pode ser utilizada como um instrumento de comunicação.
  • Subdivide o trabalho do projeto em partes menores e mais facilmente gerenciáveis.
  • Auxilia a definição de recursos, a estimativa de tempo e a atribuição de responsabilidades.
  • Provê a equipe de uma compreensão do projeto como um todo e do impacto do trabalho de cada um.
  • Dá base para as estimativas de recursos, custo e tempo.

Planejamento de tempo

Todo projeto deve ter seu tempo de execução controlado e monitorado. O gerenciamento do tempo de um projeto vai desde a definição de atividades, passando pelo sequenciamento de atividades, definição de recursos, estimativa de duração até a construção e o controle do cronograma.

A ferramenta mais utilizada para gerenciar o tempo de um projeto é o cronograma. A figura abaixo apresenta um modelo de cronograma.

O caminho crítico é a sequência de atividades onde será gasto o maior tempo de execução do projeto. É um caminho sem folga. Portanto, atrasos verificados nas atividades do caminho crítico significam atraso na conclusão do projeto.