GO: lavoura comunitária do assentamento Chê rende 281 toneladas de grãos

imagem da internet

Sessenta e três assentados do Projeto de Assentamento Chê, no município de Itaberaí (GO) no Território da Cidadania Vale do Rio Vermelho, colheram 108 toneladas de arroz e 173 toneladas de milho entre os meses de abril e maio. Os grãos foram plantados na última safra, nos meses de novembro e dezembro de 2010. No total, foram cultivados 59 hectares de lavoura comunitária, sendo 30 hectares de arroz e 29 de milho.

A Associação dos Pequenos Produtores do Assentamento Chê recebeu os insumos (sementes e adubo) da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Irrigação. Em contrapartida, os assentados firmaram o compromisso de doar ao estado 2% da produção obtida. Os alimentos foram repassados à Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), que recebeu 2.160 quilos de arroz e 3.360 quilos de milho. Após a doação e o pagamento das despesas com a produção, cada uma das 63 famílias ficou com aproximadamente mil quilos de arroz e 2,4 mil quilos de milho.

O projeto técnico foi elaborado pelo escritório da Emater em Itaberaí. Durante todo o ciclo das culturas, os produtores receberam acompanhamento técnico do Sebrae, por meio do convênio celebrado com o Incra para serviços de assistência técnica.

O plantio do milho foi realizado em quatro áreas, no mês de novembro do ano passado. A colheita ocorreu na primeira quinzena de maio de 2011. Já a lavoura de arroz foi implantada em duas áreas, em dezembro de 2010. Os grãos foram colhidos em meados de abril.

fonte: MDA

Gestor Social e Bacharelando em Ciências Contábeis pela Universidade Ceuma. Especialista em projetos socio-Culturais, Cordelista nas horas vagas , empreendedor social. Criador deste site, que,  desde 2011  já contribui com inúmeras entidades em todo país através de consultorias para entidades do 3º Setor na elaboração e planejamento estratégico e orçamentário . Adoro café , as noites com livro e cinema , world music e está em casa curtindo a família.

Você também vai gostar de ler estes...

Leave a Comment