ONU recebe inscrições para projeto Trans-Formação em Salvador e região metropolitana

A ONU Brasil, a partir da Campanha Livres & Iguais, lançou na quarta-feira (13) a primeira edição do projeto Trans-Formação em Salvador (BA) e região metropolitana do município. O objetivo é fortalecer lideranças e formar redes entre ativistas trans.

As inscrições podem ser feitas até 21 de fevereiro pelo público trans soteropolitano que queira participar do projeto ou ser consultor para sua implementação.

O projeto irá selecionar 20 pessoas trans — entre travestis, mulheres e homens trans e pessoas não binárias — de Salvador e região metropolitana para uma formação com duração de cinco meses, tempo em que as e os participantes aperfeiçoarão suas capacidades e habilidades para o ativismo pela igualdade de direitos e pelo tratamento justo da população LGBTI.

As duas primeiras edições do Trans-Formação ocorreram no Distrito Federal e entorno em 2017 e 2018 e formaram mais de 40 pessoas trans com idade entre 17 e 55 anos. A iniciativa promoveu oficinas sobre educação, saúde, empregabilidade, mídia, direitos humanos, autocuidado e participação social, acompanhadas em programas de mentoria.

A chamada pública é realizada pela ONU com apoio de Ministério Público do Trabalho (MPT) e do governo da Bahia, em parceria com Associação Baiana de Travestis, Transexuais e Transgêneros em Ação (ATRAÇÃO), Associação Nacional de Travestis e Transexuais (ANTRA), Coletivo De Transs Para Frente, Instituto Brasileiro de Transmasculinidades (IBRAT) e Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Intersexos (ABGLT).

Para se inscrever, é necessário se identificar como pessoa trans, ter domicílio no município de Salvador ou região metropolitana, ter interesse ou experiência em ativismo pelos direitos LGBTI e disponibilidade para participar do projeto, que tem encontros presenciais quinzenais em Salvador às quartas-feiras, entre março e julho de 2019.

A(o) candidata(o) deverá preencher um formulário online (clique aqui), bem como preparar uma carta de apresentação — que será incluída no formulário —, em formato de texto ou vídeo, na qual descreve sua relação com respeito, proteção e promoção dos direitos LGBTI, explicando por que gostaria de participar do projeto, quais são as expectativas e a que pretende se dedicar após o Trans-Formação.

A ONU Brasil encoraja a candidatura de pessoas trans afrodescendentes, indígenas, quilombolas e com deficiência de todas as localidades de Salvador e região metropolitana. A diversidade racial, étnica, territorial, de gênero, além da experiência, será empregada como critério subsidiário da seleção, a fim de assegurar a composição de um grupo o mais representativo possível.

Os candidatos precisam ter ao menos 17 anos. Caso a(o) selecionada(o) seja menor de 18 anos, deverá apresentar autorização assinada por seu responsável legal.

Uma vez selecionada(o), a(o) candidata(o) deverá assinar uma declaração de compromisso em que afirma dispor do tempo e dos recursos necessários para garantir sua participação no curso, apresentando-se nos encontros quinzenais em Salvador e realizando as atividades propostas.

Clique aqui para acessar informações detalhadas sobre as inscrições e o processo seletivo.

Consultoria

Além das inscrições para participantes, a ONU Brasil também busca contratar pessoa física para apoio à implementação do Trans-Formação em Salvador e região metropolitana, no âmbito da Campanha Livres & Iguais.

A consultoria terá como objetivo sistematizar informações sobre as atividades implementadas, estabelecer contato com a coordenação do projeto, com organizações parceiras e com as mentorias, facilitar os encontros do Trans-Formação em Salvador, estabelecer contato com as(os) participantes do projeto e manter interlocução permanente com movimentos sociais e demais instituições envolvidas na replicação da iniciativa durante a vigência da consultoria.

Para mais informações sobre o perfil de trabalho, acesse os dados detalhados no Termo de Referência.

Candidatas (os) interessadas(os) nesta chamada devem enviar e-mail para o endereço unfe.brasil@gmail.com, com assunto “Apresentação de Proposta – Consultoria Trans-Formação”, currículo, carta de motivação e proposta de remuneração até 21 de fevereiro de 2019.

ONU Brasil

Você também vai gostar de ler estes...

Leave a Comment